-->

Outubro 2017

My Blog

Latest blog
Já faz um tempinho que estou com os cabelos pretos, acho que uns dois anos, ou um pouco mais. Eu sinto falta demais de ficar pintando os cabelos, adorava quando os tinha coloridos e vivia trocando de cor, heuhe! E finalmente entrei em uma fase de transição para sair do Henê e conhecer a forma natural do meu cabelo, que olha... desde os 13/14 anos que não sei mais como é. Pra fechar as publicações sobre manutenção, resolvi escrever esse guia focado em cabelos pretos / escuros.
Fazia alguns meses que tinha começado a deixar crescer, sem cortar. Pontas terríveis! D:
Antes, vamos relembrar algumas publicações úteis:
• Escrevi um guia completinho sobre a cor: Tutorial Cabelos Pretos.
• Dica boa de tonalizante com bom custo x benefício: Black Mamba.

Tratamento:
Todo cabelo com química, mesmo que seja apenas tintura, é necessário manter sob tratamento constante! E isto nada tem de trabalhoso, na realidade. Basta criar o hábito de utilizar algum creme hidratante de ação rápida de três minutos no banho, depois do shampoo e antes do condicionador. Isto vai manter o brilho do cabelo, e deixá-lo sempre saudável, protegendo-o da ação da amônia (dependendo da tinta que você usar para pintar!). Eu já tive cabelos pretos por outros modos, além do Henê, e posso afirmar que manter este hábito gera muitos benefícios pela saúde capilar.

Manutenção:
Uma das dicas principais que posso dar a quem tem cabelos pretos, e quer mantê-los sempre em dia, além de sempre hidratar, é tonalizar o fio de 15 em 15 dias! Para prolongar o brilho e a hidratação do fio, é interessante alternar o uso de tintas comuns (daquelas profissionais ou de farmácia à base de amônia) com os tonalizantes que geralmente são apenas pra dar brilho. Se você é adepto do Henê, não use tintas com amônia, pois é totalmente incompatível. 

• Independente do seu tipo de fio, tenha o hábito de cortar as pontinhas periodicamente. Assim evita aquele efeito estranho que vocês podem ver na minha primeira foto desta publicação, heuhe! Pontas saudáveis dão até a impressão que o comprimento do cabelo é maior. E cabelos pretos deixam bastante visíveis essas pontinhas ingratas. ¬¬ Por isso, de vez em quando, é bom aparar!

Conheça alguns produtos que já comentei por aqui:
Como "consertar" a falta de brilho dos cabelos pretos?
Primeiramente, se você usa chapinha para modelar, ou secador para secar os fios, deve urgentemente começar a fazer uso de um bom protetor térmico capilar! Gosto muito do Straight Hair da K. Pro! <3 É o meu super favorito, vou ver se faço uma review sobre ele no futuro. Além das hidratações que já citei aqui, opte por produtos voltados ao seu tipo de fio, ou que sejam específicos para cabelos pretos. Isto por si só já vai resolver o problema da falta de brilho! Produtos com proteção solar sempre são uma boa pedida nesses casos, uma vez que o Sol acaba sendo o inimigo dos cabelos brilhosos, heuhe! Além disso, vale a pena utilizar bons produtos hidratantes, à base de óleo, principalmente.

Veja também:

E bom, isto é tudo o que consegui lembrar até o momento.
Caso tenham alguma dúvida, não hesite em comentar! <3
Até logo!
FINALMENTE estou finalizando este longo projeto! Iniciei o Renovando o Guarda Roupas em Janeiro de 2015... Curioso como o tempo passa tão rápido! Era um antigo desejo me livrar de várias roupas que ainda eram da minha adolescência e descobrir meu estilo, acabou que fui mais longe ainda! De lá pra cá, vimos: inspiração de roupeiros (link) que me ajudou a perceber minhas necessidades em um bom armário para guardar minhas coisinhas; pensar sobre a organização do mesmo (link); um textinho sobre inventário de sapatos, que referencia o minimalismo (link); chegou uma altura do projeto em que precisei repensá-lo totalmente (link); e então, parti para as duas que foram minhas postagens favoritas de todo processo, nas quais busquei referências e explorei estilos que eu gostaria de adotar! (link1) (link2); e depois, uma revisão (link) na qual finalmente me dei conta de que renovar o guarda roupas é um processo contínuo, que não teria exatamente um "fim", e pensando em tudo o que havia aprendido até aquele momento, elaborei quatro wishlists sazonais, nas quais pensaria no que me agrada, para um melhor direcionamento. (w1)•(w2)•(w3)•(w4). Ainda no meio disso tudo, houve um hiato imprevisível porque consegui eliminar peso, então, precisei dar uma pausa, mas tudo caminhou até onde estamos hoje, o final!
Eu tive um pouco de receio sobre publicações de compras, não sei se é algo realmente atrativo ostentar as paradas, então, não postei tudo o que comprava, até porque muita coisa foi presente de parceiros do blog, o que me ajudou muitão! Mas publiquei alguns vidjos no Youtube! E fico eternamente agradecida à todos eles que contribuíram para que eu conseguisse chegar até aqui. A fotografia acima é apenas para ilustrar algumas das peças novas, bem diferentes, que jamais imaginei incorporando no meu armário. Durante todo esse período de blog, deu pra ver como diversifiquei, experimentei e desenvolvi meu estilo, através dos meus ensaios do PPx. Ainda pretendo continuar publicando alguns looks, porque peguei gosto pela coisa, e me apaixonei ainda mais pela minha área de estudo, o universo Têxtil e Moda. Eu amo a possibilidade de expressão que existe no vestuário, e desenvolver este projeto me evoluiu muito nesse aspecto, já que antigamente, eu meio que usava o que dava... Por este meio, conheci lojas, vi que posso gostar de fotografia (de estar na frente das câmeras, digo... heuhe) e que sempre devemos olhar com mente aberta para peças diferentes, afim de descobrirmos algo novo...
Enfim, foram muitos os ganhos em experiência que pude desfrutar com esse projeto... 
Mais adiante, estou pensando em coisas novas para trazer pra cá, que seja igualmente atrativo!
E vocês, gostaram do projeto? Gostariam de mais dicas e tal?! Deixem seus comentários!
Valendo lembrar que ainda publiquei um tutorial sobre como renovar o guarda roupas.
Agradeço à todos que me acompanharam e vamos em frente!
É vivendo e aprendendo, né?! Depois de quase dois anos de projeto, estou caminhando para o final. Na realidade, percebi durante o processo que não existe exatamente um fim. O que pensei ser definitivo, na realidade, é algo sempre contínuo... ainda mais pra quem aprecia tantos estilos diferentes e trabalha com Moda diretamente como eu. Então, poderíamos dizer assim que aprendi muito com o projeto Renovando o Guarda Roupas, e não somente o renovei materialmente. 

Uma verdadeira jornada de autoconhecimento porque nosso vestuário reflete nosso interior de alguma forma... Pelo menos, é o que pude observar. Falando especificamente sobre subculturas, não tenho vínculo com nenhuma específica porque não sigo regras. E inevitavelmente, algumas características acabam sendo, tipo, um "signo" delas. E prefiro mesmo não me limitar desta forma. Estou bastante contente com o conhecimento alcançado durante esse projeto, de fato.


Fazia tempo que lia sobre Guarda Roupa Cápsula e confesso que me interessei bastante. É bem coisa de virginiana mesmo essas quantificações, né?! Heuhe! Pois bem, serviu pra que pudesse pensar direitinho nas peças que andei comprando, e algumas que ainda faltam. Como citei na primeira publicação do projeto, precisei comprar bastante coisas por conta dos ensaios, embora houvesse bastante help por parte dos parceiros do blog. Eternamente grata por tudo isto! 

E é isto, na próxima publicação, voltarei com a finalização deste projeto, ainda estou pensando em como irei fazê-la, mas o grande aprendizado fica aí: é questão de continuação. Estou aceitando melhor o fato de não ter um estilo totalmente definido por nada conhecido, mas reconheço as inspirações minimalistas, um pouco de estética dark e uma mistureba de tudo o que gosto, heuhe! Comentem comigo nos comentários como foi essa descoberta de estilo próprio de vocês!

Até mais! <3
*conto*
Eu não consigo entender direito o que estou sentindo, meus olhos desfocam, minha mente viaja, e perco a conexão com a realidade. É como se me conectasse sem querer com o cyberspaço, como se prevesse ansiosamente o futuro e isso me inquietasse. Fico lembrando de livros que li, e me sinto uma personagem que foi deletada de Neuromancer... Aliás, por quê esse sentimento constante de estar assistindo a vida e não exatamente fazendo parte dela?! O medo, lá no fundo, é de fazer uma escolha errada. A partir do momento que escolhemos uma, todas as demais se dissolvem, ganham outros rumos... e se esta for a escolha errada?! Deveria eu escolher você?! Será que há predestinação ou escolha, afinal?! (...)

Uma tecla apertada aqui, gera um texto que vai ao ar, e um leitor do outro lado do mundo traduz todas aquelas palavras e muda sua mente. Eufórico, caminha até a geladeira, mas no meio do caminho, desvia e resolve tomar café. Derruba o café fervente em cima do teclado de seu notebook... que droga, precisará comprar outro. Do outro lado do mundo, uma fábrica chinesa já confecciona as peças que chegarão até aquele consumidor que de outra forma, não seriam suas. E se ele decidisse não comprar, e na verdade, se deslogar para sempre da internet, depois do texto que lera?! (...)

Fotografia de acervo pessoal, gosto de ir no Ibira escrever / desenhar / fotografar / ler, heuhe!
Escondida embaixo de cobertas, ela faz uma oração. Se sente solitária e quer porque quer encontrar um companheiro. Se sente triste, chora. Ao mesmo tempo, do outro lado da cidade, alguém analisa seu perfil online e sem grandes motivos, clica em "seguir". Sincronicidades. Subconscientemente, ele também procura o mesmo que ela, e por este motivo, atrai para perto mais pessoas com os mesmos interesses, os mesmos padrões. Sua ex namorada da adolescência, que o abandonou em um quase-casamento, e uma namoradinha que não lhe desperta muito entusiamo, que vê quando vai a outra cidade. A conexão energética se concretizou online, como descobrir a verdade?! Retornar ao passado, escolher a mais próxima, ou arriscar?! Uma nuvem, vários tormentos, confusões de sentimentos e projeções. E se ele tivesse desistido de seguir?! (...)

Uma criança joga bola na quadra de seu prédio, sonha toda noite em ser um grande jogador de futebol. Percebe que tem muito o que superar, mas não há quem lhe dê incentivo. Família desestruturada com pai alcóolatra e mãe depressiva, mesmo assim, era bom no colégio. Percebe que há muitos melhores que ele... o que o fará ser diferente a ponto de alcançar o tão almejado sonho?! Larga a bola, e resolve ir trabalhar com qualquer outra profissão financeiramente promissora quando mais velho... mais problemas na família. E se houvesse alguém que pudesse incentivá-lo a persistir quando criança?! (...)

Era no tempo do Rei. Não na língua dos homens, norteada agora por algoritmos. Era no tempo dO Eterno. Chovia, mas justamente naquele dia em que resolveram sair para fotografar coisas aleatórias. Ela não sabe porque sentiu vontade de desviar de seu caminho. Ele saiu de casa pensando apenas em tirar algumas fotos. No cruzamento da ponte, em frente ao museu, eles se viram... espera, eu conheço aquele rosto! E quem era?! Em um universo alternativo vivemos um grande amor, de algumas horas, pelo cyberspaço. Durou o bastante quanto precisava durar para ser lembrado eternamente. (...)

Um dia comum, indo ao trabalho, ela estava brincando com sua mente, quando olha para o passageiro sentado a sua frente - o ônibus lembrava aqueles trens, com acentos dispostos um frente ao outro. Ela olha para ele, o acha bonito e pensa, de brincadeira: já pensou se esse cara aí fosse o amor da minha vida?! Riu consigo mesma. Na hora de descer em seu ponto, ele se levantou, não havia reparado nela de forma alguma. Estava com os cadarços desamarrados. Ela toca em seu braço depois de uma breve crise de "faço ou não faço / aviso não aviso", e aponta para seu pé. Ele ficou feliz, agradeceu e acrescentou: fico contente por demonstrar compaixão comigo! E a acompanha durante todo o trajeto da saída do ônibus até o shopping no qual ela deve entrar para trabalhar. A conversa era descontraída e interessante. Ele trabalhava com filmagens, ela era uma simples atendente de restaurante. Essa cena se repetiu algumas vezes. Mas no último dia, o contato fora finalizado. (...)

Você que está aí do outro lado, se pergunta se isto tudo escrito é invenção, ou vivências de quem escreve deste lado de cá. E eu lhe pergunto, o que passamos na vida, não acaba sendo um pouco da mistura dos dois?! Um pouco de projeção, com um pouco de vivências em um grande liquidificador?! Se acontece apenas em nossa mente, não acontece de verdade?
• •
Mais uma vez estou trabalhando em uma edição de vidjo gente!
Espero que estejam curtindo os contos!
Agradeço a Carina pelo incentivo! E ao Vicente, também!
Asta la vista, cyberfriends!
I've been looking so long to this pictures of you that I almost believe that they're real... ♫

A paciência é uma das virtudes que mais preciso desenvolver. De modo geral, sou uma pessoa calma e tranquila. Quem vê de fora, pensa que sou super tranquilona, quando na realidade, por dentro pareço uma bagunça. Mas eu sei que é por conta da fase que estou passando, que aliás, tem ótimas previsões de finalizar bem. É muita coisa acontecendo ao mesmo tempo, e ao mesmo tempo nada acontecendo, vai entender... Vai ver é a pressão de ser "grande". Não que eu me veja como uma criança, mas que às vezes, eu não tenho paciência pras discussões humanas... tanto se fala sem ao menos nada ser dito! E não tomem isto como arrogância, nada disso... é que simplesmente, parece tão mais proveitoso aproveitar uns silêncios, ou dizer apenas coisas que valem a pena ser ditas, construtivas... Deve ser essa minha fase introspectiva... e eu sei que isso vai mudar. Aliás, tudo muda. Finalmente compreendi o que eu queria dizer quando me vinham na cabeça aquelas coisas de "interpretar um personagem social"... ando assistindo bastante vídeos sobre espiritualismo, e um deles falou sobre isso... 

Também tenho lido algumas coisas sobre linguagem de programação. Eu percebi que não tenho uma área de interesse muito específica na minha vida, gosto de tantas coisas ao mesmo tempo, e em um dia só chego a estudar diversos conteúdos diferentes. Mas eu preciso parar com isso, na verdade, não parar, e sim equilibrar! E já tenho conseguido caminhar um pouquinho nessa direção. Esses dias fui ao Ibirapuera sozinha, fiz caminhada... e mesmo me sentindo muito estranha andando aleatoriamente, estou pensando em cuidar melhor do meu hardware, heuhe! Eu fico com essas brincadeiras, será que no futuro vão pensar que esse blog foi escrito por uma I.A?! Ok, também tenho andado lendo muita sci-fi. Haha!

Super faria um cosplay desse se tivesse coragem, hauhauha!
Essa imagem acima é de um livro que havia ganhado, e esqueci na casa do meu ex há séculos atrás. Pois bem, adios! Heuhe! Eu estava relendo algumas publicações antigas e encontrei, na verdade, dá vontade de ir naquela livraria e comprar um moooonte de livros ilustrados assim porque estou desenhando novamente! Eu ainda não sinto vontade de mostrar nenhum desenho meu aqui ou em vídeo, mas quem sabe futuramente?! Outra coisa de engraçado que aconteceu essa semana, foi a minha professora de Arte Digital assistir um vídeo meu durante a aula... eu fiquei MUITO envergonhada e fingi que não era comigo, hauha! Aff, quantos anos eu tenho mesmo?! Mas foi legal que no final, deu tudo certo, e em breve vou conseguir concretizar um plano antiguinho... que já está pronto, na verdade, só aguardando a hora certa e permissão divina. Heuhe!

Hoje tá um dia chuvoso maravilhoso! Estou agradecida a Deus por esse descanso! Aliás, extraí meus sisos nestas últimas semanas e Deus do Céu, que tenso! Heuhe! Aliás, assistindo aos meus próprios vídeos, comecei a perceber algumas coisas que gostaria de mudar na minha aparência e já estou me movimentando pra que isso aconteça, embora eu seja feliz como sou. No mais, tudo continua de boas: estudando, ouvindo Echo and The Bunnymen (me recomendaram mil vezes, e eu sempre esquecia de ouvir! Tô gostando muito!), e ah, voltei a usar o Pinterest! Fiquei com saudades e não aguentei ficar longe, heuhe! Não vou comentar muito sobre as aulas de arte porque ainda tô tão no início, que não produzi nada absolutamente relevante pra compartilhar! But wait, vai acontecer e será rápido, minhas notas são boas, heuhe!

Do meu ensaio METALHEAD.
Do meu ensaio GOTHABILLY.
Novos feelings sobre moda e estilo pessoal! Estou para finalizar o meu projeto Renovando o Guarda Roupas, falta apenas mais uma postagem, e isso me gerou muitas reflexões... depois de refletir sobre o tempo que demandou realizar este projeto, comecei a perceber - literalmente - que tudo na vida é continuidade. Eu mudei muito meu estilo, e não consigo me definir por um só. Simplesmente porque amo moda no geral! Vou deixar para comentar mais quando a postagem própria sair, heuhe! Mas enfim, o mais interessante neste projeto, e no PPx no geral, é perceber o quanto somos julgados pelas roupas que vestimos... as pessoas já criam um personagem na cabeça, e começam a interagir pensando neste personagem. 

Recomendo MUITO! 
Eu comecei o post em uma coisa e já estou terminando em outra! Ok, eu sou assim mesmo, heuhe! Para finalizar, gostaria de indicar uma série / documentário pra quem gosta de Design como eu! Abstract: The Art of Design! Tem no Netflix e gente do céu, eu tô perdidamente apaixonada por todos os episódios dessa série! Atualmente, dei uma pausa em muita coisa que vinha assistindo pra focar em coisas mais construtivas ou nas minhas áreas de interesses, ou em ambas, heuhe, e encontrei esta série! Tem outras por lá que estou com vontade de assistir, como uma de Moda que agora não me recordo o nome. 

A M A N D O • N O • M O M E N T O
(Sou tipo Gothalypso, desculpe decepcionar vocês! heuhe!)
Meus dois trampos!
Delineado preto, porque estou melhorando!

Se deixar fico escrevendo até amanhã, então, vou finalizando por aqui! heuhe!
#StayStrong e até a próxima! :3

Contact Me

Contact With Me

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and type setting industry when an unknown printer took a galley of type

  • 9908B Wakehurst St.Rockaway
  • 990800113322
  • info@domain.com
  • www.yourinfo.com