#BEDA21 • Calmaria

21.4.18

Desenterrei a foto de 2016! Hauha!
Um estado de espírito. A calma. A arte de abrir uma aba, e fazer uma coisa de cada vez, de pensar claramente e focadamente em determinada coisa, e só depois partir para a próxima. Ouvir uma música, e entender o que ela passa, suas notas, melodia. Escrever, letra após letra, sem a impaciência da mensagem completa, entender que ela se forma aos poucos. Compreender que um dia vem após o outro, e tentar acelerar tudo é perda de tempo. É focar nos detalhes e ver as mensagens, até aquelas que não são daqui. É estar em sincronia pelo simples fato de estar, de compreender que tudo tem o tempo correto e enxergar isto no dia a dia, caminhando em paz e sabendo que irá chegar. É desapegar-se do relógio, e não ater-se aos fatos. Elevar os pensamentos ao alto, compreender o valor de uma oração e fazê-la sempre, mesmo quando aparentemente, aos olhos materiais, nada está sendo feito, materializado. E na verdade, está. É ver e cultivar a alegria das pequenas coisas, sem pressa por saber que por si só, em seu curso natural, tudo se acaba, e se acabará, assim como as coisas que já acabaram. É um toque de piano, um sentimento de liberdade, uma força que vem do coração e diz: eu vou seguir, eu sou! É o slow motion na hora da briga, e da confusão, que permite enxergar tudo com clareza. Também é pegar leve, não julgar e não levar tudo tão à sério. É a inspiração, a vontade de fazer por fazer, criar por criar, e pensar no bem. É colocar luz sobre o darkside afim de compreendê-lo e acolhê-lo, para que se torne luz eterna. A calma. A calmaria... as ondas mais profundas do oceano da alma. Da mente. O verdadeiro controle sem se ter controle. A calmaria do ser...

You Might Also Like

0 comentários

Muito grata pelo contato, seja sempre bem vindo! :3
You can contact me in english too! Be welcome! ♥

PORTFOLIO

YOUTUBE

INSTAGRAM